Páginas

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Parada, saídas e chegadas

Olá Nação GIGANTE!

Após o jogo contra o Cruzeiro e a pausa para Copa das Confederações, um novo momento irá iniciar: a temida Janela de Transferências.

As últimas noticias da semana, colocaram em pauta Rodrigo Moledo - com uma proposta do Metalist -, Fabrício - proposta do futebol turco - e o garoto Fred atiça os interesses do Shaktar. Lembrando que o empresário do camisa 35 é o mercenário Assis, e claro, pressiona o Inter para venda do menino.

Na minha sincera opinião, das três negociações acima, não concordo apenas com a venda de Fred. Razão simples, já que de fato o garoto tornou-se o motor do time, dando velocidade ao meio campo colorado, imprimindo uma dinâmica diferente no meio campo, além de uma saída rápida que não existe reposição no plantel e nem no mercado.

Moledo e Fabrício poderiam ser vendidos tranquilamente, desde que haja uma reposição natural. Li em alguns jornais que o Inter vai atrás de um zagueiro independente da venda de Rodrigo, fato necessário desde que a contratação chegue para tomar conta da zaga, aquele estilo que todo gaúcho prefere, xerifão. Fabrício já contribuiu e rendeu o que poderia render. Com certeza é o jogador mais esforçado do elenco, mas muito menos técnico que Kleber. Seria uma boa venda para fazer caixa, aproveitando o bom momento do lateral.

Acho muito mais "fácil" encontrar lateral e zagueiro no mercado atual, do que um Centroavante a nível de Seleção como o Damião.

Em tempo, durante o dia de ontem (12/06) fomos inundados de notícias sobre um possível contratação do centroavante Adriano (ta me ouvino?). Se ele vier para J-O-G-A-R, será um baita reforço. Estou louco? Não. Por que? Porque prefiro apostar em um jogador que tenha gabarito, que tenha talento, mesmo que esteja adormecido, do que que apostar em jogadores RUINS, esperando que eles possam render alguma coisa, como por exemplo, Rafael Moura, Gilberto, Vitor Junior...

Adriano tem potencial para ser jogador de Seleção Brasileira. FATO. Se ele estivesse atuando desde o ano passado, fazendo gols e em forma, sem loucuras extra campo, com certeza ele seria o Camisa 9, desbancado até mesmo Leandro Damião. Adriano é forte, tem um chute de perna esquerda potente, sabe jogar na força, além de meter medo nos adversários. Pode dar errado? Como qualquer contratação, pois todo profissional está fadado ao fracasso, mas com Adriano, um contrato de risco o prejuízo seria o minimo. Dunga sabe lidar com o cara e Paixão sabe muito bem como colocar ele em forma. É esperar para ver!




E ai Colorado o que você acha? Comenta ai! =D